fbpx

Porquê se tornar um hacker: passo-a-passo para começar agora




Você conhece alguma profissão à prova de crises? Provavelmente não. Mas a Internet e as profissões que estão diretamente conectadas têm demonstrado ser uma alternativa viável aos chamados empregos tradicionais.

Enquanto a taxa de desemprego no Brasil apresentou crescimento em 2020 e 2021, faltam pessoas capacitadas para assumirem postos em profissões digitais: programadores, cientistas de dados e… hackers profissionais!

Antes de continuar, é preciso fazer um alerta: se você pensa em alguém causando prejuízos a outras pessoas ao ler a palavra hacker, é hora de atualizar seus conceitos.

Quem é o hacker?

Hacker ou, o profissional em cibersegurança, é a pessoa tecnicamente capacitada para proteger sistemas, redes e aplicativos de ataques de cibercriminosos

Por que se tornar um hacker?

O ser humano tem a incrível capacidade de criar e inventar novas tecnologias. Entretanto, alguns acabam por usar essas novidades e conhecimentos para o mal, como é o caso dos cibercriminosos

Por isso, é essencial que cada vez mais pessoas se tornem hackers do bem, combatendo aqueles que fazem mau uso da tecnologia e garantindo um ambiente seguro para as pessoas que a usam para o bem.

Além disso, apesar de protocolos de segurança serem constantemente melhorados, alguns ciberataques ainda são bem sucedidos. 

O profissional em cibersegurança tem o papel fundamental de atuar como um soldado digital, para retomar o acesso e controle aos dados e sistemas que foram indevidamente acessados.

De acordo com Andrew Martinez, CEO da HackerSec, existe mais um motivo para se tornar um profissional em cibersegurança: a remuneração. “A procura por profissionais capazes de identificar e corrigir vulnerabilidades está cada vez maior e mais recompensadora”.

Algumas das maiores empresas do mundo chegam a pagar 1 milhão de dólares por vulnerabilidades relevantes descobertas antes de um ciberataque.

Mesmo profissionais de empresas locais ou hackers que atuem por conta própria possuem outros incentivos: remuneração maior do que a média, possibilidade de trabalhar em qualquer lugar do mundo e a qualquer horário, prestígio social, etc.

Como se tornar um hacker?

Diferente do que os filmes e séries apresentam, você não precisa ser uma pessoa introvertida para se tornar um hacker. 

A HackerSec acredita que existe espaço para todo tipo de pessoa se tornar um hacker ético. Por isso, foi desenvolvida uma plataforma exclusiva com conteúdo personalizado para transformar pessoas de todos os níveis em profissionais de cibersegurança.

Se você está começando agora, este passo-a-passo pode te ajudar a economizar tempo:

  1. Desenvolva seu lado autodidata e curioso. Alguns dos mais reconhecidos hackers profissionais do mundo começaram seus estudos por conta própria, através de vídeos e fóruns de discussão, sempre usando sua curiosidade como norte para aprender cada vez mais.
  1. Aprenda com as referências da área e profissionais mais qualificados. Embora aprender por conta própria seja bom, se você realmente quer se tornar um profissional precisa ter acesso ao conhecimento mais moderno, organizado de forma coerente e pensado para facilitar seu aprendizado. 

Além disso, profissionais mais qualificados e experientes são peças essenciais para compartilhar vivências e descobrir atalhos para você evoluir mais rápido.

  1. Pratique muito! A única maneira de saber se você realmente está pronto para o mercado de trabalho é testando suas habilidades. Mas cuidado, essa prática precisa ser feita de forma correta.

Busque por plataformas que fornecem a oportunidade de praticar em ambientes controlados e que simulam as diversas situações do dia-a-dia, como a capturetheflag.com.br, a plataforma de CTF exclusiva da HackerSec e a mais completa do mercado.

Aprender hacking e se tornar um profissional em cibersegurança é, definitivamente, uma das jornadas mais promissoras, seja profissionalmente ou por exercer um papel extremamente relevante para a sociedade.




Menu