fbpx

Hacker do Bem x Hacker do Mal




Em um mundo cada vez mais dependente de tecnologia e internet, as preocupações com cibersegurança e o combate aos hackers têm crescido constantemente. 

Nos filmes e séries, hackers costumam ser mostrados como indivíduos antissociais, trancados dentro de um quarto escuro, em frente a uma tela repleta de códigos que só eles entendem, praticando crimes e chantageando pessoas inocentes.

Mas essa não é toda a verdade…

Um hacker pode ser definido como qualquer indivíduo que tenha um profundo conhecimento e curiosidade sobre determinada coisa ao ponto de mudar o comportamento esperado daquilo.

Por exemplo, uma página web com um campo para que se digite um nome, mas que ao digitar uma outra informação, um comportamento não previsto pelos programadores ocorra.

Logo, hackear, em termos de informação, é usar o conhecimento sobre tecnologia e programação para entender um sistema ou aplicação e buscar as vulnerabilidades que possam ser exploradas. 

Entretanto, a diferença que a maioria das pessoas não conhece, é que existem dois tipos de hackers. Eles podem ser conhecidos como hackers e crackers, ou podem ser simplesmente chamados de hacker do bem e hacker do mal.

O hacker do mal você já conhece – ele foi descrito acima. O nome mais adequado para eles é cibercriminosos, que utilizam do seu conhecimento para cometer crimes.

Normalmente aparecem na mídia associados a notícias de fraudes, chantagem e sequestros digitais, causando prejuízos financeiros e danos a pessoas inocentes.

Já o hacker do bem, entretanto, vem ganhando cada vez mais espaço. A grande diferença entre ele e o hacker do mal está no que ele faz com seu conhecimento. 

O hacker do bem – o profissional de cibersegurança – usa o seu conhecimento para proteger os dados e informações que estão em programas, softwares e aplicativos. 

Ele busca pelas vulnerabilidades das empresas e reporta suas descobertas, para que essas corporações e instituições corrijam suas aplicações tornando-as mais seguras.

Inclusive, a maioria das empresas que utilizam tecnologia em suas atividades críticas, contratam hackers do bem para defendê-las profissionalmente. 

Por isso, o profissional em cibersegurança é um dos mais disputados do mercado, pois cada vez mais sistemas tecnológicos são responsáveis por organizar e simplificar diferentes áreas da vida das pessoas – desde aplicativos de compras até robôs que realizam cirurgias delicadas.

E para ser um desses profissionais, você deve buscar uma formação de qualidade e com foco prático para o mercado de trabalho. 

A HackerSec é a maior empresa de educação em cibersegurança do Brasil, formando especialistas prontos para enfrentar os desafios do dia a dia através de nossa plataforma de cibersegurança.

Com uma metodologia de ensino prática em uma plataforma exclusiva, pessoas com todos os níveis de conhecimento podem aprender como ser um hacker profissional de cibersegurança e participar de um dos mercados mais lucrativos dos próximos anos.

Talvez você esteja se perguntando se ser um hacker é realmente para você. Antes de qualquer outra coisa, você deve saber que não é preciso saber programar para começar a estudar hacking.

Os únicos requisitos para você se tornar hacker do bem são: curiosidade e gosto por aprender constantemente. Por isso, se você reconhece essas características, saiba que pode se tornar um hacker do bem!

Praticar hacking do bem (ou, ethical hacking) significa ter um papel social importantíssimo e cada vez mais valorizado.

Você testará os mais diversos tipos de sistemas tecnológicos para descobrir vulnerabilidades e corrigir ou alertar o desenvolvedor responsável para que essas falhas sejam resolvidas antes de impactar a vida de milhões de pessoas.

Provavelmente, você mesmo já foi impactado positivamente por um profissional de cibersegurança e não sabe. 

Se você já criou uma senha usando letras maiúsculas, minúsculas, símbolos e números, habilitou a autenticação de dois fatores em suas redes sociais, ou, cobriu sua webcam enquanto não a utilizava, saiba que estas foram práticas criadas por profissionais de cibersegurança. Esses profissionais são verdadeiros heróis digitais.

Se você quer trilhar cada etapa da jornada para se tornar um hacker do bem, ou precisa contratar um desses profissionais para deixar sua empresa segura, conte com a HackerSec sempre. 




Menu